0
escrito por Fenrir

Um estudo realizado por um cientista espanhol reforçou a idéia de uma teoria chamada “canibalismo galáctico“. Ele diz ter constatado a existência de aglomerados estrelares provenientes de outras galáxias dentro da via Láctea.

O pesquisador Julio Alberto Carballo, autor do estudo, destacou que suas observações indicaram que essas estrelas, também denominados cúmulos globulares, estão entre os objetos mais antigos da Via Láctea e podem ter sido absorvidos por ela.

No trabalho, apresentado no mestrado de Astrofísica da Universidade de La Laguna, Carballo observou que, atrás desses cúmulos “devorados” pela Via Láctea, há uma população estrelar diferente do que seria normal nessa região do halo galáctico.

Segundo ele, o canibalismo galáctico é uma linha de investigação muito recente na astrofísica. Uma descoberta de 1994 sugeriu que a galáxia anã de Sagitário poderia ter deixado seus rastros na Via Láctea.

Carballo disse ainda que essa descoberta é importante para saber como a Via Láctea se formou e quanto do seu material pode ter vindo de outras galáxias anãs.

Fonte: EFE

Por Fenrir

Acabou a leitura? Talvez você se interesse por isso:

Nenhum comentário ainda.

Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu comentário

*